Artistas

Carlos Borsa

Carlos Borsa

Carlos Borsa é natural de São Paulo, cidade onde nasceu em 1980 e vive até hoje. É um artista visual que trabalha com pintura em vários suportes.

Ciro Schu

Ciro Schu

Ciro Schu é um artista brasileiro natural de São Paulo. Ele começou no graffiti nos anos 90 com um estilo que, desde o início, se mostrou muito particular.

Jerry Batista

Jerry Batista

Jerry Batista nasceu no Grajaú, zona sul de São Paulo, periferia que se tornou celeiro de artistas contemporâneos, se inspira nas regiões carentes.

José Roberto Aguilar

José Roberto Aguilar

Em 1958, já participava da vida cultural brasileira através do movimento Kaos, manifestação vanguardista de Jorge Mautner.

Júlio Vieira

Júlio Vieira

Júlio Vieira experimenta a vida e a arte em São Paulo. Desde 2001, vivencia a cidade como uma espécie de ateliê ou mesmo site specific.

Leiga

Leiga

Natural de Guarulhos, Jack Neto a.k.a. Leiga, é artista visual e começou sua trajetória na pichação, em 1996. No graffiti, iniciou-se em 1999.

Ozi

Ozi

Ozi é formado em publicidade e começou a grafitar em 1985, incentivado por Alex Vallauri (1949-1987), começando a cultura do grafite na cidade.

Rafael Slicks

Rafael Sliks

Sliks é um estudioso da caligrafia do grafite, de suas tags, como é chamada a assinatura do grafiteiro. É uma ousadia, uma única cor, nenhum esboço.

Ricardo AKN

Ricardo AKN

Akn tem um trabalho rico em cores e com formas geométricas e manchas sobrepostas, com mais de uma camada o que dá a impressão de tridimensionalidade.

Verdee

Thiago Verdeee

Thiago Verdee defende uma arte moderna, irreal, que se comunica diretamente com o público por meio de signos e símbolos retirados do imaginário que cerca a cultura.

William Baglione

William Baglione

William Baglione, representado pela Galeria Zero, fotógrafo, nascido em 1976 em São Caetano do Sul. Sua maior fonte de referência é o movimento punk.